carreira fundamentos

Desenvolvedor front end – o guia para se tornar um

Compartilhe os ensinamentos do mestre

O caminho para se tornar um desenvolvedor front end pode ser longo, mas se você está iniciando na área hoje eu vou te dar umas dicas preciosas.

Aprenda HTML & CSS e seja bom nisso

Quando se trata de ser um dev front end não existe atalho, você tem que aprender HTML & CSS e ficar bom nisso. Aprenda o básico, aprenda o que cada tag faz, aprenda como o css funciona e como funcionam as interações entre as propriedades css.

Mas não basta ficar apenas na teoria, você precisa praticar, praticar e praticar. Crie páginas, tente copiar layouts de outros sites para entender como foi feito. Existem vários sites nos quais você pode ver códigos feitos por outros desenvolvedores como o codepen.io por exemplo. Explore eles para descobrir novas técnicas e testar novas coisas.

Crie coisas

Criar pequenos componentes em sites como codepen.io é uma coisa. Agora criar uma landing page competa é algo completamente diferente. Por isso é importante você sempre se desafiar, criar projetos paralelos, fazer experimentos.  Não se esqueça de sempre criar componentes responsive first.

Só há duas formas de ficar melhor no que você faz: Continue aprendendo e continue praticando.

Então combine as duas coisas, crie projetos para aprender. Não forma melhor de melhorar do que “sujando” as mãos com um pouco de código. Eu sei que provavelmente já repeti umas 10x o quão importante é praticar, por isso vou dizer só mais uma, pratique todos os dias.

Leia, leia e leia para se tornar um bom desenvolvedor front end

Não existe atalho, acredite você ou não sua capacidade de leitura influenciará grandemente seu caminho para ser tornar um grande desenvolvedor front end. Especialmente quando você estiver começando, você precisará ler uma tonelada de coisas. Essa é uma característica que sempre percebi em grandes profissionais com quem trabalhou ou trabalhei, se o cara é bom pode saber que o conhecimento dele não é fruto de iluminação divina mas sim resultado de muita leitura. Se quiser faça o teste você mesmo, pergunte a o melhor dev que você conhece quantos livros/artigos/guias ele já leu esse ano. Depois faça a mesma pergunta a um cara meio pangaré, você vai notar que este último dificilmente terá lido um livro inteiro de programação na sua vida inteira.

Por isso leia muito, leia livros, siga blogs, leia artigos no Medium, leia o código de outras pessoas. Mas nunca pare de buscar mais e mais conhecimento.

Há mais no desenvolvimento front end do que simplesmente criar um site

Se você leu minhas dicas 1,2 e 3. Provavelmente você não vai ter muitos problemas com a criação dos sites em si(talvez no começo um pouco, mas depois vai embora). Entretanto há mais em ser um desenvolvedor front end, do que simplesmente criar coisas.

Existe toda uma miríade de outros tópicos envolvidos como por exemplo: Performance, testes automatizados, QA, relacionamento com os clientes(sejam eles internos ou externos).

Um dos maiores problemas que eu encontro nos projetos em que estou envolvido é a quantidade de erros encontrados no software depois que um dev diz que a funcionalidade está pronta, se você quer ser um desenvolvedor front end bom você tem que ser pragmático. Testar não apenas os cenários felizes do seu software, mas também forçar cenários de exceção. Você tem que ser seu próprio QA, tentando cobrir tantos cenários quanto puder.

Além do lado técnico da profissão você também deve ter o mínimo de habilidade para lidar com seus clientes, sejam eles externos ou internos.

Conheça suas ferramentas

Depois que você iniciar sua jornada como desenvolvedor front end, você vai precisar escolher seu kit de ferramentas e serviços que você utilizará para facilitar sua vida. Aprender sobre as diferentes opções de ferramentas é um ponto importante. Grandes ferramentas vão acelerar muito seu trabalho como desenvolvedor front end.

Existe um mar de possibilidades quando se trata das ferramentas que você pode usar e você vai ir escolhendo aos poucos as que mais te ajudam com suas tarefas. Mas uma ferramenta que com certeza você vai acabar usando é o Chrome developer tools, com ele você pode brincar com o HTML, CSS e javascript em tempo real e ter feedback instantâneo das alterações que está testando. Além dele você vai acabar usando o node e o npm também. E não se esqueça da ferramenta de versionamento.

 

O Controle de versão vai salvar sua vida

Ok, talvez isso seja um pouco exagerado, mas acredite em mim. Usar um versionador de código código vai te poupar umas noites sem dormir.

Ao invés de ficar fazendo experimentos com o código e ter que apertar ctrl + z um milhão de vezes se não der certo. Com o versionamento de código você vai poder simplesmente descartar seu branch atual e restaurar o código no qual estava trabalhando sem muitos problemas.

Por isso eu recomendo que você se torne um mestre no Git.

Mergulhe fundo nos frameworks

Não há motivo para reinventar a roda, por isso você deve aprender a trabalhar com frameworks eles não apenas vão acelerar seu trabalho como também vão deixar seu código mais robusto. Descubra quais frameworks estão sendo usados atualmente e aprenda a usá-los (mas um de cada vez). Crie mini projetos com eles, entenda os prós e os contras deles.

Não caia na armadilha do “o framework X é melhor que o Y”. Não existem tais absolutos, para determinadas tarefas alguns frameworks serão mais úteis que outros, mas não existe um framework que sempre será o melhor independentemente de qualquer coisa. O cenário sempre deve ser analisado.

Se quiser saber mais sobre um framework que eu acho muito útil dá uma olhada nesse post aqui: 5 motivos para aprender react.

Não se esqueça: às vezes, usar um framework não será a melhor opção. Mas na maioria das vezes vale a pena conhecê-los.

Não tenha pressa aproveite a sua jornada como desenvolvedor front end

Não tenha pressa para aprender tudo em um dia, leva tempo para ficar bom e às vezes a jornada pode ser um pouco frustrante. O mais importante é curtir a jornada, você vai gostar daquela sensação de empolgação após descobrir algo novo e ficar tipo “tenho que mostrar isso pra todo mundo”. E o mais importante é não parar nunca.

  • http://comqueroupa.co Francis Rodrigues

    Dicas válidas para todas as áreas de Desenvolvimento, Análise, Front e Back end.